Blog do Ohata

Arquivo : Sportv

Efeito Neymar: SporTV vê audiência dos jogos do PSG subir 204%
Comentários Comente

Eduardo Ohata

A audiência das cinco partidas do PSG nas quais Neymar esteve em campo nesta temporada, após sua transferência, mais do que triplicou em relação às cinco partidas correspondentes da temporada 2016/17.

O número de pessoas impactadas este ano pela transmissão das cinco partidas do PSG, já com o brasileiro atuando, pelo SporTV, cresceu 204% em relação aos jogos respectivos de 2016, segundo uma análise de números do Ibope à qual o blog teve acesso.

Foram utilizados como parâmetro de comparação apenas as seis primeiras partidas das duas temporadas para evitar distorções.

Ao analisar os números de todas as partidas disputadas pelo PSG este ano, pela temporada 2017/18, incluindo a primeira na qual Neymar não atuou, mas esteve no estádio apoiando os novos companheiros, o número de pessoas impactadas pela transmissão do SporTV foi 164% maior, ou mais do que dobrou, em relação às seis partidas correspondentes da temporada 2016/17.

Nos períodos nos quais foram transmitidos os jogos do PSG, o SporTV foi líder geral na TV por assinatura, com mais do que o dobro (134% a mais) de pessoas alcançadas do que o canal segundo colocado geral; e 282% mais, ou quase quatro vezes mais, audiência do que o segundo colocado entre os canais esportivos, a ESPN, que vem transmitindo as mesmas partidas do PSG.

Mesmo perdendo para o SporTV, a audiência dos jogos do PSG na ESPN, que sublicencia os direitos do Globosat, quintuplicou em relação ao mesmo período da temporada passada, o blog apurou.

Graças aos bons índices de audiência do PSG, SporTV e ESPN planejam exibir todos os jogos do time na temporada. O contrato do Francês com o Grupo Globo se encerra nesta temporada.

O PSG é o líder invicto do Francês. Sua próxima partida será contra o Montpellier, neste sábado, nos domínios do adversário.

Veja também:

Cuca culpa PSG, e Muricy, Unai: opiniões sobre a briga Neymar x Cavani

Jornal: Neymar pede desculpas ao elenco do PSG. Thiago Silva foi tradutor

 


Pela terceira semana seguida, Neymar e PSG lideram audiência na TV paga
Comentários Comente

Eduardo Ohata

A goleada do PSG sobre o Toulouse, no último domingo, com gols de Neymar, deu ao SporTV a liderança absoluta de audiência no horário pela terceira semana consecutiva.

O canal alcançou 2,7 milhões de pessoas, segundo levantamento do Kantar Ibope, que teve como base o universo total de assinantes da TV paga sintonizados no horário da partida.

A ESPN, ao exibir a mesma partida, foi o segundo canal de esporte mais assistido no mesmo período.

Em segundo lugar na audiência geral ficou o canal de filmes Space, seguido por ESPN, o infantil Cartoon Network e um segundo canal de filmes, o Megapix.

Na estreia de Neymar, o SporTV já registrara a melhor audiência entre todos os canais por assinatura ao exibir jogo do PSG, assim como na partida de abertura do Francês, contra o Ameins, logo após Neymar fechar com o clube francês.

SporTV e ESPN exibirão todos os jogos do Francês na temporada. A Globo, inclusive, pensou em transmitir a estreia de Neymar na TV  aberta. Mas até o momento não exibiu nenhum jogo e tampouco o fará nesta sexta (25), quando o PSG enfrentará o Saint-Étienne.

A agência BEin, que representa os direitos do Francês, avisou o mercado de que não lançaria seu leilão até que a transferência de Neymar estivesse concretizada.


‘El Classico’ leva ESPN à liderança em super-quarta de futebol na TV paga
Comentários Comente

Eduardo Ohata

A transmissão do clássico espanhol entre Barcelona e Real Madrid rendeu à ESPN a maior audiência em transmissões de futebol na quarta (16), que também teve pela Copa do Brasil Flamengo x Botafogo e Grêmio x Cruzeiro e, pela Liga dos Campeões, Napoli x Nice.

Com a final da Supercopa da Espanha, a ESPN registrou 2,05 de audiência, o que representa mais de 800 mil telespectadores impactados, entre homens entre 18 e 49 anos, em quinze mercados, dados coletados pelo Kantar Ibope Media.

As equipes de Cristiano Ronaldo e Messi já haviam se enfrentado na pré-temporada em Miami e na primeira partida da decisão da Supercopa.

Na quarta-feira, a segunda melhor audiência com um jogo de futebol ficou com o SporTV, que exibiu Flamengo x Botafogo, pela Copa do Brasil. A emissora registrou 1,97 pontos. Com a mesma partida, a Fox Sports marcou 0,68 pontos.

O SporTV 2 obteve 1,19 pontos com Grêmio x Cruzeiro, também pela Copa do Brasil.

O dia também teve, pela Liga dos Campeões, Napoli e Nice, com 0,43 pontos, exibido pelo Esporte Interativo, foi a quinta audiência.

 


Efeito Neymar: ESPN e SporTV exibirão todos os jogos do PSG no Francês
Comentários Comente

Eduardo Ohata


O interesse do público pelos detalhes da transferência de Neymar do Barcelona para o PSG foi tão impactante, que duas emissoras de TV no Brasil, a ESPN e o SporTV, decidiram cada uma transmitir todas as partidas do clube no Francês, durante a temporada 2017/18.

Ou seja, até a Copa do Mundo de 2018, o telespectador poderá escolher em qual emissora acompanhará os jogos do PSG, já que os dois canais transmitirão ao mesmo tempo para o público brasileiro as partidas da equipe francesa.

Os direitos do Francês pertencem ao Grupo Globo, mas ele os sublicencia à ESPN. O contrato dá direito à ESPN escolher até três partidas para transmitir do Francês por rodada, mas não existe uma cláusula exclusividade de jogos.

Logo que a transferência foi confirmada, executivos das emissoras esfregaram as mãos enquanto lembravam que toda a preparação do principal nome da seleção brasileira acontecerá com um uniforme do PSG.

Haverá um incremento na exposição do PSG ao público brasileiro, já que na temporada 2016/17 nenhum dos canais transmitiu todas as partidas do clube. Do total de 38 jogos, o SporTV exibiu 35 e a ESPN, 23.

Se necessário, a ESPN lançará mão de seu novo canal, o ESPN Extra, para transmitir o Francês.

O Francês nesta temporada terá novamente 38 rodadas, e o PSG  jogará em todas.

A Globo chegou a cogitar a possibilidade de exibir a partida de estreia de Neymar na TV aberta, preferiu transmitir jogos do Brasileiro, mas abriu espaço à partida do Francês, durante Atlético-MG x Flamengo e Vasco x Palmeiras.

No mercado há o entendimento de que a agência BEin, representante do Francês, acredita que houve valorização imediata do campeonato com a transferência de Neymar ao PSG.

Ao menos na rodada de abertura, que nem contou com a atuação do brasileiro, a leitura da BEin esteve correta: O SporTV liderou entre todos os canais por assinatura com a partida do PSG, e a ESPN foi a segunda emissora de esporte em audiência com o mesmo jogo.

Neymar vai jogar na França, mas o “francesão” não é só o PSG


Efeito Neymar: Jogo do PSG rende liderança ao Sportv
Comentários Comente

Eduardo Ohata

Neymar não fez sua estreia pelo PSG. Mas sua presença no Parque dos Príncipes, durante a transmissão da partida com o Ameins, pela rodada de abertura do Francês, na tarde de sábado, catapultou o Sportv à liderança absoluta entre todos os canais por assinatura.

A ESPN Brasil, que exibiu a partida do PSG simultaneamente ao Sportv, foi o segundo canal de esporte mais assistido no horário.

No Sportv, o jogo alcançou mais de 1,7 milhão de pessoas, o que deu ao canal a liderança no horário. A pesquisa teve como base o universo total de assinantes da TV paga sintonizados no horário do jogo, segundo medição do Kantar Ibope.

Em segundo e terceiro lugares na TV por assinatura ficaram os canais infantis Cartoon Network, seguido pelo Discovery Kids. A ESPN Brasil foi o quarto.

A partida também rendeu um recorde histórico em transmissões do Francês.

Na Globo, que detém os direitos de transmissão do Francês na TV aberta, é cogitada a transmissão da estreia de Neymar no PSG.

Até a transferência de Neymar ao PSG, o Francês era relegado a um segundo, ou até terceiro, plano pelas emissoras com programação esportiva.


Jogo do Santos é remarcado após pedido da Globo, e clube aponta represália
Comentários Comente

Eduardo Ohata

O pedido da Globo, atendido pela CBF, para que a partida entre Santos e Fluminense, inicialmente previsto para o dia 13, domingo de Dia dos Pais, fosse remarcado para o dia seguinte, às 20h da segunda-feira (14), se tornou motivo de um novo atrito entre cartolas e conselheiros do clube e emissora.

Na Vila Belmiro a remarcação do jogo é interpretada como uma represália pelo episódio envolvendo o repórter Eric Faria, que foi acusado pelo clube de interferir na arbitragem da partida com o Flamengo, e pelo fato de o clube ter fechado os direitos de transmissão do Brasileiro a partir de 2019 com o Esporte Interativo. O clube negocia com a Globo os direitos do Nacional na TV aberta.

Por conta do Dia dos Pais, o Santos havia decidido mandar seu jogo no Pacaembu, onde já mandou sete de seus jogos no ano, incluindo o desta quarta contra o Flamengo, e não perde há 22 jogos, desde 2014.

A ideia do marketing era permitir que os torcedores santistas assistissem ao jogo com seus filhos, em ação que vinha sendo promovida como “Paternidade Alvinegra”, com diversões para toda a família.

Porém, a pedido do Sportv, segundo fontes ligadas ao Santos, a partida foi remarcada – embora a nova data e local ainda não constassem no site da CBF em um primeiro momento, o que irritou a diretoria santista, o blog apurou. O marketing do clube, que já contava com boa renda porque não haveria nenhum outro jogo no mesmo horário na capital, também se frustrou.

Posteriormente, a CBF confirmou em seu site oficial a alteração da partida contra o Flu para segunda-feira (14), às 20h. O duelo será mesmo no Pacaembu.

Nos bastidores, há dirigentes e conselheiros do Santos que atribuem a alteração ao episódio envolvendo o repórter da Globo, Eric Faria, na partida das quartas-de-final da Copa do Brasil, e ao fato de o clube ter assinado com o Esporte Interativo. Em seu discurso, afirmam que o Santos não teme confrontos com nenhuma TV, por ter em sua história a marca de ser “inovador e arrojado”.

O episódio “Eric Faria” nem de longe foi digerido pelos santistas. Em grupos de whattsApp de torcedores circulam mensagens que conclamam a torcida a prestigiar a partida desta quarta-feira com o Flamengo, com a seguinte ironia: “Pelotão pronto para ocupar o Pacaembu, e nem adianta consultar a TV e avisar o juiz!”.

Procurados pelo blog, Globo e CBF não haviam entrado em contato até a publicação do post.


Fox Sports fecha Copa do Mundo da Rússia com Globo e exibirá as 64 partidas
Comentários Comente

Eduardo Ohata

A Globo fechou contrato de sublicenciamento dos direitos de TV da Copa do Mundo de 2018 com a Fox Sports, que planeja transmitir todos os 64 jogos da Copa da Rússia, no ano que vem.

No momento, o grupo Globo conversa ainda com Band, na TV aberta, e ESPN, na fechada.

Graças ao canal Fox Sports 2, a Fox Sports conseguirá exibir todas as partidas na TV fechada, já que o acordo não cobre os direitos de internet da competição que acontece no ano que vem.

Já houve uma visita de representantes da Fox Sports à Rússia para verificar questões técnicas e de logística.

A Fox Sports do Brasil é a única da América Latina que conseguiu garantir a exibição dos jogos da Copa até agora, já que o canal não obteve os direitos em países de forte tradição no futebol, como Argentina e Colômbia.

Além de transmitir as partidas na TV aberta, a Globo também exibirá partidas da Copa nos canais Sportv.

 


Mundial de Clubes lança leilão-surpresa e embola (mais) briga por direitos
Comentários Comente

Eduardo Ohata

A agência responsável pela comercialização dos direitos do Mundial de Clubes pegou as emissoras de TV de surpresa ao avisar no fim do mês passado que o leilão para a edição deste ano e de 2018 da competição acontecerá no próximo dia 16.

Ou seja, quem quiser transmitir o Mundial de clubes, que já tem assegurado o Real Madrid, campeão da Champions, terá pouco mais de duas semanas para formular e apresentar proposta. A regra vale para todas as plataformas, inclusive TV aberta e por assinatura.

A Dentsu, agência que representa a Fifa na comercialização da competição, por determinação da entidade que controla o futebol mundial, escolheu pela primeira vez o bid (leilão) como forma de selecionar o vencedor.

A transmissão da última edição do Mundial de clubes foi compartilhada no Brasil por Globo/Sportv e Fox Sports.

O anúncio do Mundial de clubes embola ainda mais a disputa por direitos de TV nos próximos meses, nos quais, além do Mundial de clubes, estarão em jogo as transmissões das partidas da seleção, Champions, Libertadores e Premier League.

O leilão da Premier League pegou a todos de surpresa e do Mundial de clubes, parcialmente. Pior, eles acontecem com um intervalo de apenas um dia, justamente o feriado de Corpus Christi, nas próximas quarta e sexta-feira.

 

 


Disputa entre Globo e Esporte Interativo respinga até na Copa do Nordeste
Comentários Comente

Eduardo Ohata

O duelo entre Sportv, braço esportivo da Globosat na TV por assinatura, e o canal Esporte Interativo, do grupo Turner, por direitos de transmissão de competições como o Brasileiro respinga em torneios considerados de porte menor, caso da Copa do Nordeste.

O contrato entre a Globo e Esporte Interativo de sublicenciamento da Copa do Nordeste na TV aberta venceu nesta edição da competição.

Já há um início de preocupação entre cartolas quanto ao futuro da competição. A edição deste ano conta com Bahia e Sport na decisão. O primeiro jogo, realizado nesta quarta-feira, acabou empatado por 1 a 1. A finalíssima acontece na próxima quarta-feira.

As negociações da Copa do Nordeste chegaram a um impasse quando o valor apresentado para a renovação foi cerca de 40% superior ao atual, e o Esporte Interativo acrescentou que já tinha uma oferta de uma outra TV aberta pela competição. A Globo, segundo o blog apurou com uma fonte ligada à emissora, se mantém aberta ao diálogo pois, “vê valor no futebol do nordeste e seus clubes”.

Band, Record, Rede TV! e SBT, principais emissoras da TV aberta a transmitir eventos esportivos, ou a contar com o poderio financeiro para esse objetivo, informaram ao blog não terem feito proposta pela Copa do Nordeste.

O SBT, no entanto, fez uma ressalva ao afirmar que não falava por suas afiliadas. Porém, é menos provável que emissoras locais consigam fechar um contrato que envolve vários estados sem o aporte financeiro e coordenação de sua matriz.

O impasse já começa a gerar preocupação entre cartolas de federações da região Nordeste.

“A renovação não foi fechada, o que preocupa principalmente os clubes, pois tem que ter visibilidade para suas marcas e para seus parceiros”, diz Ednaldo Rodrigues, presidente da Federação Bahiana de Futebol. “Há questões entre a Globo e o Esporte Interativo, mas estou otimista que no fim acabarão se entendendo [pela Copa do Nordeste].”

O SporTV e o canal Esporte Interativo, do grupo Turner, travam uma disputa por direitos de competições esportivas, como o Brasileiro, a partir de 2019. Também já houve disputa entre ambos pelos direitos da Copa do Brasil e estaduais.


Atlético-PR responde Globo sobre ausência de gols no compacto do Atletiba
Comentários Comente

Eduardo Ohata

A direção do Atlético-PR respondeu, por meio de nota, o fato de não ter cedido à Globo os gols nos melhores momentos do clássico com o Coritiba, que foi transmitido exclusivamente pelo YouTube e Facebook.

“O CAP informa que enviou a todas as emissoras o correspondente a 3% da partida, conforme determina a Lei Pelé. O clube entende que os highlights são uma propriedade premium, extremamente valorizada em todo o mundo, e que os interessados devem pagar por este produto se assim desejarem”, diz a nota.

O primeiro jogo da final do Campeonato Paranaense teve três gols, todos marcados pelo Coritiba, porém nenhum foi liberado para as TVs.

Horas depois do clássico, o apresentador do “Fantástico”, da Globo, Tadeu Schmidt, comunicou aos telespectadores a não-liberação das imagens por parte dos clubes e lamentou ficar sem os gols do Atletiba.

Algumas emissoras de esporte da TV por assinatura chegaram a exibir os gols, mas provavelmente as imagens foram capturadas do próprio YouTube, já que apareciam nas imagens os logos das TVs CAP e Coxa.

Atlético-PR e Coritiba fecharam com o canal Esporte Interativo os direitos de seus jogos pelo Campeonato Brasileiro a partir de 2019. O SporTV, braço esportivo na TV por assinatura da Globosat, trava com o canal disputa pelos direitos de transmissão.